quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

O Código dos Cavaleiros

Sinopse: O Código dos Cavaleiros retrata a jornada de um jovem camponês que deseja se transformar em um cavaleiro; um garoto chamado Lino que sonha em se tornar um honrado e poderoso combatente, um homem capaz de proteger os fracos e oprimidos, como os cavaleiros das grandes histórias. Porém, ao encontrar um nobre e seu companheiro de viagens, o mundo da cavalaria se mostra muito diferente de tudo o que ele imaginara. Lino passa, então, por algumas revelações capazes de mudar sua percepção de mundo.
   A história satiriza os clássicos contos de cavalaria medieval, revelando aspectos com os quais os leitores podem se identificar, em uma grande crítica ao momento atual de nossa sociedade. A narrativa possui características cômicas, envolventes e instigantes que tornam a obra uma leitura imprescindível e agradável.







   Apesar de não ser meu estilo de leitura (o livro não tem um beijo na boca =/), eu adorei a história. O livro conta a história da cavalaria, a trama por trás da "aparência" dos cavaleiros. O protagonista é um menino de 15 anos, mas boa parte do livro enfatiza as batalhas travadas pelos cavaleiros. É uma leitura leve e agradável que pode ser feita em uma tarde já que o livro tem somente 200 páginas. O desenrolar da trama é rápido, sem repetições e prende o leitor até o final. Apesar de não ser verdadeira, a história é bem realista e trata com muita profundidade temas como amizade, respeito, lealdade e traição. Mesmo o livro tendo, digamos, um final definitivo, senti aquela vontade de saber detalhes do que aconteceria depois. Enfim, é uma história ótima e recomendo a leitura, principalmente àqueles que curtem essa época de cavaleiros.


   "Encorajado por estes pensamentos, deu seu primeiro passo com convicção: daquele momento em diante, deixava a vila para entrar na História."

5 comentários:

  1. Eu já gosto desse estilo de literatura. Ainda não li o livro, mas faz tempo que estou "namorando" pra ler. Não tinha percebido que eram poucas páginas e atualmente é até estranho ser um livro com um final. Parece que todos agora se transformam em séries ou sagas.

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia! Beijos... bela resenha.

    ResponderExcluir
  3. hahahahah tmb sinto falta em romances (e um beijo) quando os livros não tem...rs
    O único livro que não fez falta, foi em O atlas esmeralda, mas nos outros eu sempre fico buscando um romance....hsuahsuhuah
    Não conhecia o livro, mas eu gosto de livros épicos.
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia este livro!
    Mas a estória em si, não me interessou muito.
    Abraço...

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Nunca ouvi falar do livro... Mas ele me chama a atenção...
    Adorei seu blog, flor...
    Sucesso...

    Bjkas,
    Cleide
    palavrasaventureiras.blogspot.com

    ResponderExcluir